Queda de 5,14% em arrecadação indica “economia em baixa”, diz secretário – Web MS

Queda de 5,14% em arrecadação indica “economia em baixa”, diz secretário

Cofres municipais receberam R$ 294 milhões em 2018 e R$ 274 milhões de janeiro a abril

Comparada com 2018, a arrecadação do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) deste ano caiu 5,14%, segundo o secretário de Finanças e Planejamento, Pedro Pedrossian Neto.

Do início de janeiro a 30 abril do ano passado, entraram nos cofres públicos R$ 294.694.833,00, enquanto foram recolhidos R$ 279.557.724,49, no mesmo período deste ano.

A diferença representa 5,14% de queda. Para o secretário, a “economia em baixa” prejudicou diretamente o IPTU. “Esse resultado é reflexo do momento econômico que estamos vivendo”. O município está fazendo ações para cobrar os inadimplentes, segundo Pedrossian Neto.

O quadro vem sendo anunciado há meses pelo titular. A situação, somada aos plantões de servidores municipais, exibe cenário de cautela na negociação de reajuste salarial. A data-base da maioria das categorias é maio. Para diminuir os gastos com funcionários, a prefeitura determinou, no fim de março, a proibição de horas extras – exceto servidores na área de saúde.

Quarta parcela – Na sexta-feira (dia 10), vence a quarta parcela para os contribuintes que decidiram dividir o imposto em 10 vezes. É concedido 5% de desconto em cada parcela, segundo o município, desde que quitada até a data de seu vencimento.

campograndenews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *