Programa MS Alfabetiza tem adesão unânime dos prefeitos

O programa conta com um investimento total de R$ 8,3 milhões, e já tem a adesão de 100% das prefeituras municipais de Mato Grosso do Sul. 

O prefeito de Jaraguari, Edson Nogueira, representou a Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul, e destacou a atenção do Governo do Estado em áreas distintas. ‘A cada momento nós vemos que MS contempla em todos os setores. Esse é um programa muito gratificante às nossas crianças e aos nossos municípios. Isso é fazer política, trabalhar para a população e mostrar que o nosso País é um País que tem jeito, e a política é capaz de mudar um País e um Estado, assim como tem mudado Mato Grosso do Sul’. 

De acordo com o prefeito de Dourados, Alan Guedes,  o programa deve beneficiar 50% de toda a rede municipal, acredita que a adesão unânime ao programa já mostra a sua importância.

“A adesão integral dos municípios de Mato Grosso do Sul a esse projeto mostra a sua importância. Todos juntos em um pacto pela alfabetização na idade certa. E a parceria do Estado, através da lei aprovada na Assembleia, de ajudar no financiamento dessa política. Alguns municípios como Dourados já iniciaram suas ações de sua natureza individual, mas é claro que um programa integrado, coordenado pela Secretaria de Educação, terá muito mais efetividade e é um apoio muito importante para os municípios’, afirmou Guedes.

Já o prefeito Valdir Luiz Sartor de Deodápolis, vê o projeto como uma oportunidade de diminuir as desigualdades sociais.

“Será um grande avanço, tenho certeza que isso colocará muito mais conhecimento nas cabeças das nossas crianças e no futuro poderão competir no mercado de trabalho mais bem preparadas. A educação é a chave de tudo é a chave do sucesso. É através da educação e do conhecimento que a gente diminui as desigualdades sociais’, avaliou Sartor.

Jeferson Tomazoni, prefeito de São Gabriel do Oeste, avalia que a  parceria entre Estado e municípios torna o programa ainda mais sólido, pois a educação é feita em rede.

“É muito importante a capacitação dos professores, a alfabetização desses alunos com ferramentas adequadas e material pedagógico. Em São Gabriel atendemos aproximadamente 500 crianças nessa faixa etária, a etapa inicial do Ensino Fundamental. Como eu disse, nós trabalhamos em rede até porque temos transporte escolar, que é conjunto, alunos que migram de uma escola municipal para a estadual. Então, é uma rede. E nós só temos a agradecer à professora Cecília e ao governador Reinaldo Azambuja por entender Mato Grosso do Sul como íntegro, como totalidade’, disse Jeferson.

Também estiveram presentes no evento a prefeita de Água Clara, Gerolina Alves, Dalmy Crisostomo, prefeito de Alcinópolis, Jair Scapini, prefeito de Guia Lopes da Laguna, José Gilberto Garcia, prefeito de Nova Andradina, Paulo Franjoti, prefeito de Japorã, Cleidiane, prefeita de Jardim, Akira Otsubo, prefeito de Bataguassu, Edilson Magro, prefeito de Coxim e Marquinhos Trad, prefeito de Campo Grande.

Neste primeiro momento, o Programa será responsável por investimentos em diversas frentes, tais como Aquisição de Livros Didáticos, premiações destinadas às escolas que obtiverem os melhores índices de alfabetização, contribuições financeiras às escolas com os menores índices de aprendizagem, recursos para avaliações anuais pela SED e bolsas para Formação dos profissionais. Ao todo, está previsto um investimento de R$ 8,3 milhões para as ações de 2022

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − cinco =