MS tem menor número de pacientes internados por covid na pandemia

Estado registrou nenhum óbito por gripe H3N2, tendo 91 desde o início da epidemia

Mato Grosso do Sul mantém o menor número de pacientes internados por covid-19 desde o início da pandemia. Apenas 41 pessoas estão hospitalizadas no Estado. Em um dos momentos mais críticos, 1.339 pacientes estavam internados em junho do ano passado.

São 17 ocupando leitos clínicos, sendo 13 em hospitais públicos e quatro em unidades privadas. Nas UTIs (Unidades de Terapia Intensiva), são 24 pacientes, 23 nos hospitais da rede pública e um nas unidades privadas.

Ainda conforme o boletim epidemiológico divulgado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde) neste domingo (3), o Estado registrou apenas uma morte. Trata de uma campo-grandense de 32 anos, imunossuprimida.

Os cinco municípios que mais registraram casos entre ontem, sábado (19), e hoje, são Corumbá (+65), Paranaíba (+13), Costa Rica (+4), Campo Grande (+3) e Itaporã (+3).

Cumprem o isolamento domiciliar 2.119 pessoas. Ao todo, já foram confirmados 524.848 casos, sendo que 512.180 se recuperaram e 10.508 morreram.

As macrorregiões de Campo Grande e de Corumbá têm a maior taxa de ocupação global de leitos de UTI, com 70%. Dourados tem 53%, Três Lagoas está com 24%.

Gripe – O Estado registrou nas últimas 24 horas apenas um novo caso de gripe (Influenza “A” H3N2), mas não teve mortes. No total, 502 pessoas precisaram ser internadas. Em 2022, 91 pessoas morreram em decorrência da doença.

campograndenews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 2 =