Domingo chega com mais 121 infectados e Dourados tem novo recorde em 24 horas

Campo Grande foi o segundo hoje no ranking de maior número de testes positivos, com 15 contaminados e 388 casos no total

Dourados bateu o recorde de casos contabilizados de coronavírus em apenas um dia em Mato Grosso do Sul: são 78 deste ontem. O município representa mais da metade dos testes positivos das últimas 24 horas em Mato Grosso do Sul, que somou mais 121 contaminados neste domingo, com 2.253 infectados no total.

Dado positivo no boletim da covid-19 hoje é que mais da metade dos contaminados já teve alta da quarentena: 1163 estão recuperados e 1020 ainda em isolamento domiciliar.

A curva de Dourados deve continuar subindo nos próximos dias, porque 768 testes ainda estão com resultado em aberto.  “Temos feito todos os esforços para conter o surto que começou em Dourados e se espalhou pela região”, voltou a comentar o secretário de Saúde, Geraldo Resende.

A Região da Grande Dourados também é responsável por 60% das 50 internações, são 29 leitos ocupados, 8 deles de UTI. O que indica, na avaliação de Geraldo Resende, que o aumento de internados tem relação direta com crescimento de infectados. “Se continuarmos nessa progressão, a taxa de ocupação poderá chegar próxima daquela que verificamos em alguns estados brasileiros, com o colapso na rede de saúde”, alerta o secretário.

No boletim deste domingo, na mesma região Rio Brilhante aparece com mais 7 casos, em Naviraí são 3, em Vicentina 3, em Ponta Porã 2, em Deodápolis 1, Fátima do Sul 1 e Ivinhema.

Campo Grande foi o segundo hoje no ranking de maior número de testes positivos, com 15 contaminados e 388 casos no total. Mas a Capital lidera no número de mortes, são 8 óbitos do total de 21 vítimas.

Na mesma região, Sidrolândia aparece com 1 contaminado e Terenos é a 52ª a entrar na rota do coronavírus, hoje a cidade registrou o primeiro caso de covid-19. Hoje, 66% dos municípios Estados já tem infectados.

Em Corumbá, outra região sob alerta, são 6 infectados e Ladário mais 1 desde sábado.

Na região do Bolsão, Chapadão do Sul teve outro registro, Três Lagoas 1, Aparecida do Taboado 1 e Paranaíba 1.

A maior incidência continua em Guia Lopes da Laguna, mas Douradina, apesar de nenhum caso desde ontem, também tem um dos maiores índices do País. Veja a tabela estadual:

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

campograndenews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 2 =