Delegacias de Campo Grande registram um estupro de criança por dia em 2019 e número assusta – Web MS

Delegacias de Campo Grande registram um estupro de criança por dia em 2019 e número assusta

Dos 402 boletins registrados nos dois primeiros meses do ano, 64 foram por estupro de vulnerável

Somente na última semana foram ao menos sete notícias de menores estuprados em Mato Grosso do Sul. Em Campo Grande, conforme números oficiais foram registrados, pelo menos um caso por dia de 1º de janeiro a 28 de fevereiro.

Conforme dados divulgados pela Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), dos 402 boletins registrados nos dois primeiros meses do ano, 64 foram por estupro de vulnerável, o que daria pelo menos um por dia.

Conforme a delegada titular da Depca, Marília de Brito, ainda não tem como contabilizar se os números são maiores que os do ano passado, porém ela credita essa maior procura ao acesso fácil a informação.

“Acredito que hoje as pessoas têm mais acesso a informação, ao que é certo e errado, a quem procurar. Vivemos na era da informação, que permite que as pessoas procurem mais as delegacias”, diz.

Um dos casos mais recentes noticiados foi de uma dupla que estuprou uma menina de 11 anos na cidade de Paranaíba, distante 406 km de Campo Grande. O caso aconteceu no dia 17 e foi divulgado nesta quarta-feira.

Já no início do mês de março, um atendente de telemarketing de 26 anos, foi preso no serviço, suspeito de estuprar a própria filha de 5 anos. Ele foi preso no dia 11 de março pela Polícia Militar e encaminhado para a Depca. A mãe notou comportamento estranho da filha que estava mais quieta e não se alimentava direito.

Diante disso ela perguntou para a filha o que estava acontecendo e a criança contou, ela gravou um vídeo com a filha relatando o que o pai havia feito. A orientação é de que pais estejam atentos ao comportamento dos filhos e que procurem a polícia para que crimes como esse sejam denunciados.

O funcionário de uma fazenda, do Distrito de Indaiá do Sul, em Cassilândia – a 430 quilômetros de Campo Grande – foi preso depois de ser flagrado estuprando uma menina de 3 anos, a prisão ocorreu na última quarta-feira (19). 

via: midiamax

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *